Aplicação do teorema das raízes racionais de polinómios

Um leitor colocou num comentário recente o seguinte

Problema:

« O produto de 3 números positivos e consecutivos é igual a 8 vezes a sua soma. A soma dos quadrados desses 3 números será igual a quanto? »

Comentário:

Na resolução que publiquei neste comentário e que reproduzo mais abaixo, apliquei o teorema das raízes racionais que diz que se um polinómio de grau n

P(x)=a_nx^n+a_{n-1}x^{n-1}\dots+a_1x+a_0

tiver a raiz racional p/q  (escrita na forma irredutível), então p é um divisor de a_0 e q é um divisor de a_n. Como caso particular, se a_n=1, então as únicas raízes racionais de P(x), a existirem, deverão ser inteiros divisores de a_0.

Resolução:

x(x+1)(x+2)=8(x+(x+1)+(x+2))

é equivalente a

x^3+3x^2-22x-24=0.

Pelo teorema das raízes racionais as únicas raízes inteiras positivas possíveis serão os divisores positivos de -(-24)=24. Destes apenas x=4 é raiz. Logo a soma pedida é 4^2+5^2+6^2=77.

* * *

P.S. 31-08-2015: na resolução anterior a incógnita x representa o número mais pequeno. Desenvolvo agora, reescrevendo-a, a resolução mais simples que me foi sugerida (ver este comentário).

Resolução alternativa: se x representar agora o número intermédio, a nova equação passará a ser

(x-1)x(x+1)=8((x-1)+x+(x+1))

que simplificada fica

x^{3}-x=24x

pois nenhum dos membros tem termo independente, em resultado da sua simetria em relação a x. Logo

x(x^{2}-25)=0

Como x>0, a solução desta equação que satisfaz o enunciado é x=5. O resultado é como acima

(x-1)^2+x^2+(x+1)^2=4^2+5^2+6^2=77

Sobre Américo Tavares

eng. electrotécnico reformado / retired electrical engineer
Esta entrada foi publicada em Equações, Exercícios Matemáticos, Matemática, Matemática-Secundário, Problemas, Teorema / Teoria com as etiquetas , , , . ligação permanente.

4 respostas a Aplicação do teorema das raízes racionais de polinómios

  1. Recebi um comentário de um matemático, no Facebook, a indicar-me uma resolução mais simples: basta escolher como incógnita o número do meio, em vez do menor. A equação resultante passa a ser redutível a uma do 2.º grau.

  2. UMA EQUAÇÃO DO SEGUNDO GRAU PARA RESOLVER.

    Primeira providência: Eliminar o termo quadrático e fazer x = (y-b)/3a
    x = y – 3/3 # x = y – 1. Importante para se achar x.
    Agora onde tiver x , fazer y – 1
    (y-1)^3 + 3( y – 1)^2 -22( y – 1) -24 = 0
    y^3 – 3y^2 + 3y – 1^3 + 3( y^2 – 2y +1^2) – 22 y + 22 -24 = 0
    y^3 – 3y^2 + 3y – 1 + 3y^2 -6y +3 -22y +22 -24 = 0
    Eliminamos o termo quadrático.
    Fica assim: y^3 +3y -1 -6y +3 -22y + 22 – 24 = 0
    y^3
    +3y -6y -22y = -25y
    -1 +3 +22 – 24 = 0.
    Equação reduzida: y^3 -25y = 0
    Está no fim: y^3 = 25 # y=raiz quadrada de 25 # y= 5 # x = 5-1 = 4
    x = 4. Esse é o número procurado.
    Vamos comparar com o nosso raciocínio anterior:
    [ 4 ( 4+1) (4+2) ] + [8 ( 4) +(4+1) + (4+2) ]
    4* 5*6 = [ 8 ( 4 + 5 + 6 ) ]
    120 = 8 ( 15 )
    120 = 120
    A soma dos quadrados : 4^2 + 5^2 + 6^2 = 16 + 25 + 36 = 77.

    • Carlos Alberto Guimarães de Sá diz:

      É importante que haja algum comentário sobre o exposto, para acrescentar ou corrigir alguma coisa.

  3. Carlos Alberto Guimarães de Sá diz:

    Vários caminhos te leva para algum lugar, desde que chegue ao lugar certo.

Deixe uma Resposta para Carlos Alberto Guimarães de Sá Cancelar resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.